ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >

MIRASSOL DOESTE EM CONSONÂNCIA COM O CÓDIGO DE PRESERVAÇÃO AMBIENTALMIRASSOL DOESTE EM CONSONÂNCIA COM O CÓDIGO DE PRESERVAÇÃO AMBIENTAL

Publicado em 23/06/2016, Por Amaury Dantas

O Secretário Municipal de Agricultura, José Wanderley Batista, em entrevista a esta assessoria esclareceu que o município em parceria com a Agência Nacional de águas -ANA,  está engendrando o projeto de Pagamento por Serviços Ambientais - PSA. O projeto beneficia a recuperação de 19 nascentes, nas adjacências do núcleo urbano da cidade e em áreas mais afastadas, o custo do referido projeto gira em torno de R$ 700.000,00, e está em processo de análise pelos técnicos da CAIXA CONÔMICA FEDERAL . Está sendo criado um Fundo administrado pelo município junto à Secretaria Municipal de Agricultura, cujo a logística, irá gerir a política de repasse dos valores aos contemplados com este projeto.   Serão recuperados três córregos que abastecem o fornecimento de água da cidade, são eles: Carnaíba, Caeté e Rancho Alegre, neste contexto, 36 propriedades rurais serão beneficiadas em virtude de estarem inseridas nas Áreas de Preservação Permanentes - APP's.

A dinâmica aplicada nos trabalhos de recuperação da vegetação dos referidos mananciais, irá funcionar da seguinte forma; a partir das respectivas margens (direita e esquerda),  será criado um ambiente de replantio com a largura suficiente de 30 metros adentrando a propriedade, esta medida é um padrão estabelecido pelo Novo Código de Preservação Ambiental.

Não faltam evidências de que é possível produzir sem desmatar no Brasil. Grandes empresas já mostraram isso na prática, vide a Moratória da Soja e o Compromisso Público da Pecuária. Diversos especialistas afirmam que o Brasil dispõe de grandes áreas já desmatadas que podem e devem ser melhor utilizadas - um exemplo é o estudo liderado por um pesquisador da USP que mostra ser possível liberar 69 milhões de hectares para a agricultura, suficiente para dobrar a área agrícola do país sem derrubar mais florestas. Em defesa das florestas, o município pode e deve ir muito além das expectativas.

O Secretário de Agricultura José Wanderlei, também afirmou, a licitação de um lote de sementes de hortaliças que será distribuído aos produtores rurais credenciados na Secretaria Municipal de Agricultura, dentro de um prazo de 45 dias a partir do dia 22 de Junho 2016. Este Lote corresponde a um montante da ordem de R$ 23.000,00 adquiridos com recursos próprios do município.




Compartilhar:

CLIMA E TEMPO