ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >

PREJUIZO: Farinheira abandonada pelo estado é Assumida pela Prefeitura Municipal de Mirassol D OestePREJUIZO: Farinheira abandonada pelo estado é Assumida pela Prefeitura Municipal de Mirassol D Oeste

Publicado em 26/05/2014, Por AugustoSimões

A farinheira localizada no Assentamento Roseli Nunes está desativada por não estar em perfeitas condições para a sua utilização e manuseio da mandioca.  A principio, a farinheira é responsabilidade do Governo do Estado de Mato Grosso, porém, omisso, a farinheira iniciou sua construção em 2007 e foi finalizada em 2010.

 

Hoje, a farinheira se encontra em total estado de abandono, pois,  necessita de reforma tanto na sua estruturação, construção de lagoas de tratamento, construção de forno para instalação do tacho, troca do forro, já que o que existe no momento é de PVC e está cedendo.  Além da parte estrutural, há também, a organização da parte legal, ou seja, organizar documentação junto a CEMA – Secretaria do Meio Ambiente do Estado de Mato Grosso.

Diante deste quadro caótico, a Prefeitura Municipal de Mirassol D´Oeste se propôs  em assumir a estrutura e fazer toda a adequação  para que esta farinheira volte a funcionar, aliás, um sonho acalentado por todos os moradores do Assentamento Roseli Nunes.

 

 

A farinheira  em plena atividade irá proporcionar ao município: alavancar a produção de farinha para Mirassol D´Oeste, já que apenas a comunidade Veredinha é que possui uma farinheira e que  hoje  oferece grandes resultados.   Além disso, a farinha do Assentamento Roseli Nunes oferecerá  um aumento de renda paras as famílias do próprio assentamento propiciando assim, uma melhor qualidade de vida,e ainda, a utilização do resto desta mandioca, folhas e troncos, para a alimentação do gado.

 

 

A Secretaria de Agricultura vem dando total apoio técnico aos produtores, organizando a produção, inclusão deste produto na merenda escolar através do PAA – Programa de Aquisição de Alimentos.

 

 

O secretário de Agricultura da Prefeitura Municipal de Mirassol D´Oeste, José Vanderlei Batista, visitou a farinheira no Assentamento Roseli Nunes e ficou surpreso com a situação em que se encontra a farinheira hoje: “ estive no local e constatei que a farinheira está em estado de total abandono, sem condições, inclusive, de se adentrar ao prédio, conforme pode-se ver nas fotos [...] pedi a APRARN – Associação Produtores Rurais do Assentamento Roseli Nunes  ( CNPJ 09.599.678/0001-77 – tendo como seu presidente o senhor MANOEL IZIDORO DA SILVA – POPULAR MANU ), que fosse feita a limpeza ao redor do prédio para assim, dar prosseguimento ao projeto e que a médio prazo, estaremos com a farinheira funcionando.”

 




Compartilhar:

CLIMA E TEMPO