ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >

CHIKUNGUNYA: Secretaria de Saúde alerta para a nova febre do Mosquito da DengueCHIKUNGUNYA: Secretaria de Saúde alerta para a nova febre do Mosquito da Dengue

Publicado em 23/11/2014, Por Augusto Simoes

Todo mundo já sabe que o início do verão costuma vir acompanhado, além do calor, de um grande volume de chuvas, um prato cheio para a proliferação do mosquito Aedes aegypti e Aedes Albopictuse consequentemente a disseminação do vírus da dengue.

 

Mas poucos sabem que esse inseto transmite outra doença, a Febre Chikungunya, que chegou recentemente ao Brasil e fez mais de 100 vítimas fatais por onde passou.

 

No idioma africano makonde, o nome chikungunya significa “aqueles que se dobram”, em referência à postura que os pacientes adotam diante das penosas dores articulares que a doença causa.

 

A Secretaria Municipal de Saúde de Mirassol D´Oeste está alertando para que todo cuidado seja feito para impedir à proliferação de casos da febre chikungunya – a doença prima da dengue. O objetivo é evitar que se repitam status de epidemia como já ocorre em outras cidades do País.

 

Diante dessa situação, a preocupação das autoridades passa a ser o combate ao mosquito Aedes Aegypti e Aedes albopictus, os dois vetores transmissores da doença.

 

ATENTE aos SINTOMAS MAIS COMUNS:

      

    Febre alta;

    Dor/inchaço nas articulações: (mais freqüente mãos, tornozelos e joelhos);

    Dor de cabeça;

    Dores musculares;

    Manchas vermelhas.

 

As articulações são muito afetadas. O vírus avança nas juntas dos pacientes e causa inflamações com fortes dores acompanhadas de inchaço, vermelhidão e calor local. O paciente tem dificuldade de movimentos e locomoção.

 

Os cuidados para evitar a doença são os mesmos da dengue: evitar deixar água parada em locais de possíveis reproduções dos mosquitos.

 

A infecção pelo vírus chikungunya provoca sintomas parecidos com os da dengue, porém mais dolorosos chegando a deixa sequelas.




Compartilhar:

CLIMA E TEMPO