ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >

SETEMBRO AMARELO: Equipe do CAPS participa de audiencia publica para debater combate ao SuicidioSETEMBRO AMARELO: Equipe do CAPS participa de audiencia publica para debater combate ao Suicidio

Publicado em 15/09/2015, Por Assessoria de Imprensa Augusto Simões

Requerida pelo deputado estadual, Dr. Leonardo (PDT), a audiência pública trouxer a elaboração de um modelo de assistência em saúde mental, levando em conta a rede de atendimento existente e o melhoramento de sua eficiência. A audiência foi realizada no auditório Milton Figueiredo, na Assembleia Legislativa  na última segunda - feira (14).

Para debater o assunto, o parlamentar convidou a Associação Mato-grossense de Psiquiatria, o Centro de Valorização da Vida (CVV), Secretaria de Estado de Saúde (SES), Conselho Regional de Psicologia, Assistência Social, Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, entre outras entidades, órgãos e conselhos.

Segundo Dr. Leonardo, os ambulatórios de saúde mental, com acesso às unidades psiquiátricas, em hospitais gerais ou hospitais psiquiátricos, são indispensáveis para uma rede de tratamento eficaz.

A atual crise na rede de assistência em saúde mental se deve, entre outros motivos, aos cortes de verbas que são repassadas às entidades para o atendimento, via Sistema Único de Saúde (SUS) e reflete uma situação nacional, diante do contingenciamento de recursos pelo Ministério da Saúde.

“Temos que trazer para fora este assunto, chamar a atenção da sociedade, dos nossos governantes e restabelecer as discussões do que está errado e encontrarmos uma solução para a negligência com a saúde mental”, destacou o Deputado Estadual, Dr. Leonardo.

Participantes também desta audiência pública a equipe do CAPS - Centro de Atenção Psicosocial de Mirassol D´Oeste, sendo:  Dr. Mateus Bertold Oliveira - Médico de Saúde Mental, Elaine Cristina Santos - Enfermeira, Miriam Avelino da Silva - Monitora, além da Secretária de Saúde de Mirassol D´Oeste, Sandra Horn Cruz.

Para a Secretária de Saúde de Mirassol D´Oeste, Sandra Horn Cruz, abrir o coração para o diálogo e buscar ajuda é sempre a melhor saída antes de qualquer atitude trágica contra a vida: " precisamos abrir nosso coração para encontrar ajuda necessária e buscar soluções sempre. Todas as questões de desespero e vontade de morrer podem se evitadas e combatidas. O remédio não é o único caminho. Muitas vezes, a pessoa busca apenas alguém para lhe ouvir."




Compartilhar: FACEBOOK

CLIMA E TEMPO