ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+
Acessibilidade | Alto Contraste | Mapa do site | Libras | Tamanho da fonte: A- | A+

NOT͍CIAS Início >

Começou a campanha nacional de Hanseníase e VerminoseComeçou a campanha nacional de Hanseníase e Verminose

Publicado em 18/03/2013, Por

Começou a campanha nacional de Hanseníase e Verminose. Segunda-feira, 18 de Março de 2013 - 16:04:38 Mirassol D’oeste está entre as cidades brasileiras que tem  um alto índice de registros de hanseníase, para tanto  é alvo da campanha Nacional de Hanseníase e Verminose(Geohelmintiases). O objetivo da campanha é reduzir a carga parasitária de verminose em escolas  do ensino fundamental  e identificar casos suspeitos de hanseníase através do ‘ método  do espelho’. Após a identificação, os suspeitos serão referenciados á rede básica de saúde visando á confirmação  diagnóstica e tratamento. Acampanha tem como público alvo estudantes na faixa etária de 05 a 14 anos em escolas da rede municipal e estadual de ensino.Nesta ação , todos os profissionais de Saúde do SUS , em especial os Agentes Comunitários  de Saúde , profissionais da estratégia de saúde da familia e unidades de saúde pública . O Ministério da Saúde propõe  a implantação do tratamento quimioprofilático em crianças de 05 a 14 anos com a utilização do Albendazol. Esse medicamento é eficaz, não tóxico , de baixo custo e já foi utilizado em milhões de pessoas de diversos países e relatado na literatura científica , seus efeitos colaterais são raros e sem gravidade(manual OMS). O’ método espelho’  consiste em um formulário a ser preechido pelos pais e/ ou responsáveis  a respeito de sinais e sintomas sugestivos  de hanseníase bem como, sobre o histórico familiar da doença . Após a triagem dos formulários  com a presença de lesões sugestivas , o aluno será encaminhado para a confirmação na unidade de saúde , onde poderá ser confirmado o diagnóstico com inicio imediato do tratamento. A campanha tem como meta , investigar os sinais da hanseníase em 70% dos escolares através dos formulários de autoimagem . Tratar 70%dos escolares; E realizar no mínimo 80% de tratamento dos casos positivos e de seus contatos  de acordo com normas padronizadas pelo MS.




Compartilhar:



CLIMA E TEMPO