ACESSIBILIDADE | ALTO CONTRASTE | MAPA DO SITE
TAMANHO DA FONTE: A- | A+

NOTÍCIAS Voltar >

NOTA DE ESCLARECIMENTONOTA DE ESCLARECIMENTO

Publicado em 16/07/2020, Por Assessoria de Imprensa

A Secretaria de Saúde de Mirassol d´Oeste, MT torna público e esclarece que desde que  o Ministério  da Saúde estabeleceu o protocolo farmacológico básico para tratamento da Covid-19, o município tratou de adotá-lo e fazer a aquisição dos medicamentos que inclui basicamente: Azitromicina 500mg, Ivermectina  Hidroxicloroquina 400mg e Dipirona 500mg utilizados para tratamento precoce dos pacientes infectados pelo coronavírus.

Logo após sinalização do Ministério da Saúde, os medicamentos para tratamento da doença conhecido popularmente como "Kit Covid" foram adquiridos para que os profissionais médicos da rede pública municipal de saúde que estão na linha de frente atendendo pacientes com coronavírus tenham à disposição esses medicamentos e a seu próprio critério, decidirem sobre sua aplicação ou não de acordo com o estado clínico de cada paciente” enfatizou o secretário municipal de saúde, Maxsuel Monaski.    

Em todos os casos, é exigido que o paciente que apresente sintomas  procure a Unidade Básica de Saúde de referência e tenha a receita prescrita por médico do SUS- Sistema Único de Saúde para retirar o kit dos medicamentos e fazer o tratamento em casa, sendo que a decisão da prescrição é exclusivamente do médico. No caso de paciente com indicação de Hidroxicloroquina e que esteja de acordo com o tratamento indicado, o paciente assinará um "Termo de Consentimento" disponibilizado pelo médico.

Em Mirassol d´Oeste  até o momento foram contabilizados mais de 200 (duzentos)  casos confirmados e 02 (dois) óbitos. O prefeito Euclides da Silva Paixão desde o estabelecimento do protocolo pelo MS autorizou os setores responsáveis da Prefeitura, através dos procedimentos legais por parte do município efetuarem a compra dos medicamentos que compõem o kit. A medicação está disponível na Farmácia Municipal, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Saúde que  atualmente tem  atendido por dia uma média de 30 (trinta) pacientes, usuários (as) do SUS. Com esse modelo de  protocolo, a administração municipal afirma que pretende reduzir o tempo de tratamento e, conseqüentemente o número de futuras internações.

O HSG- Hospital Municipal Prefeito Samuel Greve equipamento de saúde de média complexidade  também tem adotado protocolo para os pacientes com sintomas leves da doença. De acordo com a Diretora Karen Tertiliano " o HSG também tem seguido o protocolo farmacológico publicado pelo MS em relação aos medicamentos recomendados para o tratamento de pacientes com o novo coronavírus, no entanto, o paciente será sempre avaliado pelo médico para saber qual a gravidade da situação." esclarece.

Diante do aumento de casos o prefeito Euclides Paixão adverte que " a quantidade de medicamentos em estoque não é infinita e somente será suficiente se a população seguir as medidas preventivas para controle da disseminação do contágio. Informa também que os medicamentos do Kit Covid estão sendo disponibilizados pelo município, mas é preciso que fique claro a toda população que é o médico quem prescreve o medicamento após analisar o estado clínico de cada paciente" relatou.

O secretário de Saúde, Maxsuel Monaski  salientou que nenhum dos medicamentos  que compõem o kit Covid tem comprovação científica para a cura do COVID-19. Apesar das divergências de opiniões, esses medicamentos foram e continuam sendo  utilizados por  médicos que afirmam ter dado certo o tratamento para muitos pacientes, sendo uma ferramenta que dispomos no combate ao vírus, o próprio Ministério da Saúde liberou o uso, através de protocolos e então decidimos adotá-lo. É preciso lembrar que a melhor opção  até que chegue a cura definitiva para essa doença continua sendo a PREVENÇÃO!

                                                                       Mirassol d´Oeste, 16 de julho de 2020.








Compartilhar:

CLIMA E TEMPO